JACA E SUA ERUPÇÃO DE SIGNOS

Muitas pessoas associam meu desenho com o grafiteiro nova-iorquino Keith Harring, certamente pela similaridade de nossas composições preenchedoras de todo o espaço possível. Mas o fato é que Harring nunca foi uma influência real no meu processo criativo, apesar de admirá-lo bastante. O mesmo não pode ser dito do JACA, …

Dona Felipa, uma artista das ruas de Havana

  Quem já foi à capital cubana sabe que a cidade transborda atrativos, seja pela monumentalidade dos prédios coloniais, seja pela vida insólita nos casarões antigos, ou pela população em massa ocupando as ruas com música, dança e arte. Um dos lugares mais tradicionais é o Passeio do Prado, uma …

Acercamientos – Brasília na co-lateral da Bienal de Havana

A exposição coletiva “Acercamientos” aconteceu em maio de 2015 na cidade de Havana, Cuba, mais precisamente no Município de Guanabacoa, no Museu dos Orishas ou Museu da Santeria. Guanabacoa, reza a lenda, é uma localidade mais antiga que Havana, sendo conhecida ainda em tempos pré-coloniais pelas populações Taíno, e posteriormente …

A visita dos Huichol

Em Novembro de 2014, recebemos no Brasil a visita especial de uma comitiva de xamãs do povo Huichol e do povo Purepéche, ambos localizados no território mexicano, habitantes milenares dos desertos e montanhas daquela região. O povo Huichol é um grupo étnico indígena do oeste do México central, que viveu durante séculos …

Caos em camadas na exposição de Malu Engel

Me surpreendi com o despojamento dos quadros de Malu Engel, recém-formada em Artes pela Universidade de Brasília. A pintora força o advento do caos para dele extrair camadas que serão irremediavelmente sobrepostas por outras. O trânsito pela abstração enriquece as superfícies ricas de gestos e cor. Permanece o registro dos …

Meu encontro com Gurulino

Todos que moram em Brasília já devem ter visto alguma pintura de Gurulino pelas paredes da cidade. O personagem criado pelo artista Pedro Sangeon cativou jovens, velhos e crianças, pelo traço simples e frases reflexivas. O que pouca gente sabe é que Gurulino existe mesmo. Dia desses, estava atravessando uma …

Débora Injah e a pré-história do futuro

A arte de Débora Injah consegue ser ao mesmo tempo panfletária e despretensiosa.  Do ativismo político ao resgate do sagrado, suas obras celebram a liberdade inegociável da criação artística, recusando tornar-se mais acessível ao gosto comum- da mesma forma que não se submete as cartilhas ideológicas pré-moldadas que tanto se …

Retrato meu por Taigo Meirelles

Eu e Taigo Meirelles estamos sempre pelos cafés da cidade, especialmente o Objeto Encontrado, que por ficar em frente a maior loja de produtos artísticos de Brasília acaba por facilitar nossos encontros. Em uma dessas ocasiões, enquanto conversávamos a respeito de pintores e desenhistas, Taigo sacou seu Moleskine e rapidamente …

Como encarnar o etéreo? – Taigo Meireles por Tiago Botelho

Como encarnar o etéreo? É possível atribuir uma forma humana ao que não se pode tocar? Perante esse desafio, Taigo Meireles dá seu mergulho mitológico no tradicional oficio da pintura. Para o artista, o corpo é um mensageiro de fenômenos espirituais absolutos. Não está atrás do circunstancial, não lhe interessa ambiguidades. Busca …